Vale a pena comprar um carro de luxo no Rio de Janeiro?

A compra de um carro deve ser bem pensada, não apenas na análise mecânica, mas também no setor financeiro. A indústria automotiva vem se modernizando anualmente, com lançamentos e atualização de seus veículos. É claro que isto chama muito a atenção dos consumidores, principalmente nas grandes cidades. Mas, qual a relação entre o seu veículo e o estado em que mora? Entenda agora!

Como escolher o carro de luxo ideal

Muitas questões precisam ser pensadas no momento da escolha do seu carro. Principalmente se ele for de luxo, quer dizer, com motorização e potência mais elevada.

Algumas pessoas já têm em mente a fabricante ou modelo que mais te agrada, este já é um grande passo. Por que fica mais fácil filtrar a busca pelo veículo ideal.

Três pontos devem ser levados em consideração: conforto, valor e gasto. O conforto na dirigibilidade, nos bancos dianteiros e traseiros e no carro como um todo. O valor de fábrica e aquele cobrado pelas concessionárias, pesquise e compare. E os gastos, desde o combustível até os impostos, também vale a pena comparar.

Em determinados estados o valor do veículo pode ser diferente. Tanto para carros novos como semi novos. Isso acontece porque a inflação naquela região pode ser mais alta ou baixa, o gasto com a fabricação do produto e a potência econômica do estado também interferem.

Gasto com carros de luxo no Rio de Janeiro

O estado do Rio de Janeiro é grande, por consequência o número de industria também é bem elevado. As fabricantes de automóveis se concentram nos grandes centros comerciais, e falta de opção não é algo que o consumidor pode reclamar.

A grande questão são os impostos. O IPVA RJ, por exemplo, aplica uma alíquota de 4% sobre o valor do veículo, que se custar em torno de R$180.000 deve pagar R$7.200 de imposto anual. Podendo parcelar em no máximo 3 vezes.

O contribuinte pode fazer o pagamento diretamente no banco ou por débito em conta, o Bradesco IPVA 2019 Guia de Pagamento explica todo esse processo.

Outro valor lembrado pelo proprietário de veículo é o custo do combustível. Embora o carro seja flex, devido a super potência de seu motor o gasto com gasolina/etanol é maior que para um carro comum.

Principais carros de luxo

São considerados carros de luxo aqueles que ultrapassam R$100.000. Dentro da lista dos mais vendidos em todo o Brasil, estão:

  • BMW 320i;
  • Mercedes-Benz C180;
  • Hyundai Azera;
  • Mercedes-Benz CLA 200;
  • BMW 328i;
  • Volkswagen Passat;
  • BMW 316i.

Alguns carros podem chegar a valer mais que meio milhão de reais.

Vale a pena fazer um curso técnico antes do curso superior?

A modalidade de ensino técnico cresceu muito e hoje compete com a graduação tradicional. Muitas pessoas optam por realizar ambas as formações a fim de melhorar o seu currículo. Mas será que vale realmente a pena fazer um curso técnico antes do curso superior? Entenda mais a seguir.

Qual a diferença do ensino técnico e o ensino superior?

Ambas as formações podem trazer muitos benefícios para o estudante,mas vale lembrar que o técnico a graduação possuem algumas diferenças decisivas. O primeiro ponto a ser mencionado é o tempo de duração dos cursos. Enquanto a graduação, dependendo da área escolhida, vai durar entre 4 e 8 anos, o técnico pode ser concluído entre 2 e 3 anos.

O meio de ingresso também é diferente. Para o nível superior, os candidatos devem participar do vestibular próprio das universidades ou participar do Exame Nacional do Ensino Médio para concorrer. Já o ensino técnico dispõe de diversos programas como o vestibulinho ETEC 2019.

As propostas são muitas e dependendo do estado em que você mora, conseguir uma bolsa gratuita no ensino técnico pode ser  muito simples. Para verificar a oferta de vagas gerais, o candidato interessado precisa ficar atento e realizar a Pronatec inscrição 2019.

Vale lembrar que assim como o Programa Universidade Para Todos (PROUNI) e o Sistema de Seleção Unificada (SISU) proporciona a distribuição de bolsas para nível superior, o seleção Faetec 2019 distribui vagas para o ensino técnico.

Vale a pena fazer o técnico antes da graduação?

Ambas as formas de conseguir o seu certificado ou diploma de curso são muito válidas, mas o que vai definir se vale mesmo a pena fazer o técnico antes é a sua situação.

O ensino técnico dispõe de cursos mais específicos com o foco voltado para o mercado de trabalho. Por tanto, quem quer começar a trabalhar rápido e expandir as possibilidades de conhecimento depois, pode considerar fazer o seu técnico primeiro.

Mesmo quem não utilizar um dos programas mencionados para começar a estudar na modalidade técnica, vai se deparar com mensalidades muito viáveis, diferente da maioria das graduações. Para quem precisa trabalhar rápido, a fim de começar a sua graduação, pode optar por realizar o curso técnico antes.

Quem já trabalha em uma área do mercado, mas ainda não possui certificado de formação, pode considerar a curta duração e taxas baixas do curso e começar a estudar. Então, o curso técnico antes da graduação pode ser um ótimo investimento de carreira!

Quais as melhores empresas públicas para se trabalhar?

Não é novidade que as vagas do setor público dispõem de muitos benefícios para os candidatos selecionados como carga horária flexível e salário superior à média e por isso, vale a pena ficar de olho no concursos públicos e se inscrever. Veja a seguir quais as melhores empresas públicas para se trabalhar.

Tribunal Regional Eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) é uma das instituições públicas mais importantes do país e periodicamente abre vagas para o público. Com cargos de grande valor, os candidatos interessados em trabalhar para o órgão podem realizar o Concurso do TRE 2019 para concorrer as possíveis oportunidades ofertadas pelo TRE.

Receita Federal

A Receita Federal é um órgão responsável por diversos recursos fundamentais para a sociedade, como por exemplo, o imposto de renda. Periodicamente, a Receita abre vagas para nível médio e superior. Esta é uma das empresas com melhores remunerações e quem tem interesse em preencher um dos muitos cargos, deve ficar atento ao concurso Receita Federal 2019  e participar!

Detran

O departamento de trânsito estadual é responsável pelo funcionamento das leis de trânsito, cobrança de impostos e multas, entre outros aspectos. A instituição pode ofertar muitas oportunidades diferentes para os candidatos, com carga horária menor que a média. Há uma grande expectativa para a abertura do concurso Detran 2019portanto, os interessados devem ficar de olho no edital!

Banco do Brasil

Sendo uma das maiores instituições financeiras do poder público, o Banco do Brasil vem contratando diversos funcionários através de concursos e programas como o Jovem Aprendiz. Trabalhar para um banco proporciona diversas facilidades como crédito e empréstimo rápido. O Banco do Brasil não abre vagas com frequência, mas há possibilidades de vaga ara o próximo ano.

Ministério Público Federal

O Ministério Público Federal (MPF) é um dos órgãos mais importantes do país, sendo responsável pelos direitos dos cidadãos. Com um grande papel social, o MPF pode abrir vagas para os candidatos de nível médio e superior. Os cargos são variados e é preciso se inscrever corretamente na categoria para realizar a avaliação do Ministério Público Federal.

Tribunal de Justiça do Distrito Federal

O Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDFT) lida com atendimento jurídico e aspectos semelhantes. O órgão se destaca entre as empresa públicas por proporcionar maior qualidade de vida para os seus funcionários. O concurso do TJDFT não fica disponível frequentemente e todas as vagas disponíveis são muito concorridas. Portanto, a preparação é fundamental!

Carro Usado: Dicas preciosas para não cair em um golpe

O carro usado pode parecer uma boa opção de aquisição, mas se você não ficar atento pode acabar caindo em uma furada! A maioria dos problemas do veículo pode estar submersa e você deverá driblar estas circunstancias a fim de evitar um golpe.

Está pensando em comprar um veículo seminovo? Então, para evitar dor de cabeça,  confira a seguir dicas preciosas para quem quer adquirir um carro usado.

Licenciamento do veículo

Todo veículo precisa ter o licenciamento  em dias e esta deve ser uma das primeiras coisas que você irá observar quanto ao carro. Este documento garante que o automóvel estar apto para circular nas vidas de maneira regular e sem ele, o motorista fica sujeito à cobrança de multas.

Impostos Obrigatórios

Todo proprietário de veículos precisa pagar alguns impostos obrigatórios e sem o cumprimento deles, fica inviável realizar o licenciamento do carro. Portanto, antes de fechar negócio, procure saber se todas as taxas requiridas foram cumpridas pelo dono. Uma maneira fácil de fazer isso é através da consulta Renavam 2019realizada via internet.

Quilômetros Rodados

Um aspecto que pode fazer a diferença tanto no valor de compra como no valor de revenda futuramente, é a quantidade de quilômetros rodados. Você deve pesquisar antes e se possível levar o veículo até um mecânico para garantir.

Aspectos do Modelo

Além de considerar os aspectos do veículo que está na sua lista de compra, é fundamental estar ciente dos aspectos do modelo em si. Existe  um tipo de carro ideal para cada motorista e para saber se o carro condiz com suas prioridades, pesquise e compare antes. Não tenha pressa, pois este pode ser um grande investimento e estudar as possibilidades é essencial!

Desvalorização do Veículo

Como você está comprando um veículo usado, deverá considerar que o preço de revenda ou entrada para outro carro vai cair consideravelmente. Alguns veículos tem maior desvalorização no mercado que outros, por isso, é fundamental se informar quanto a esse aspecto antes de adquirir qualquer carro. Caso tenha maiores dúvidas, converse com um especialista da área!

Ano de Fabricação

O ano de fabricação diz muito sobre o veículo. Alguns carros não possuem mais fabricação de peças no mercado e isto quer dizer que se você comprar um modelo assim, será difícil efetuar manutenção ou conserto do mesmo. A idade do veículo também pode dizer muito quanto ao desempenho dele nas estradas, assim como a necessidade de manutenção para o carro.

4 Motivos para você começar a investir agora mesmo

Alcançar a estabilidade financeira é o objetivo de muitas pessoas, e para quem já conseguiu juntar uma grana, é importante mencionar que nunca é tarde para começar a investir. Se você ainda não possui uma educação financeira adequada e quer entender como este processo funciona, veja a seguir 4 motivos para você começar a investir agora mesmo.

Garanta uma poupança para a sua aposentadoria

Nunca é tarde para começar a investir seu dinheiro, entretanto, quem investe a longo prazo tem mais possibilidade de ter sucesso neste ponto. É importante unificar o investimento com a aposentadoria como beneficio, para mais informações confira o INSS 2019.

Garantir que você tenha uma estabilidade financeira durante a sua aposentadoria é fundamental, isto é claro além da aposentadoria habitual do INSS. Se você não sabe quantas contribuições faltam para se aposentar, não deixe de consultar INSS e ficar ciente da sua situação!

Deixe seu dinheiro trabalhar

Para quem acha que é preciso dominar várias áreas de exatas para conseguir investir, vale lembrar que o investimento é a forma mais fácil de fazer o seu dinheiro render.

Quando você aplica as suas finanças o seu dinheiro trabalha e passa a lhe render um bom valor, com expectativa de crescimento. É provável que você note pouco lucro inicial, mas à medida que o dinheiro for crescendo, o retorno será maior.

Conquiste suas metas financeiras

Com certeza você já fez diversos planos para a sua vida, o problema é que para a maioria deles se realizarem você precisa de dinheiro. Com o investimento, você poderá aumentar o seu patrimônio e alcançar a suas metas financeiras.

Estabeleça valores para alcançar e acompanhe todo o crescimento mensalmente.Você pode pedir ajuda ao gerente do seu banco caso tenha maiores duvidas. Não se preocupe em errar! Este é um risco que pode ser bem estudado.

Trabalhe contra a inflação

A inflação é imprevisível e por isso, é um dos maiores inimigos da economia. Quem investe, tem maior possibilidade de trabalhar contra a inflação, isto porque saberá quando o seu dinheiro estará valendo mais. É muito importante saber quando e como investir.

Você deverá trabalhar contra a desvalorização do seu dinheiro. A inflação, por exemplo, deixa o mercado instável e pode fazer com que o tempo torne o seu dinheiro menos viável. Por isso, estar preparado para investir contra a inflação é fundamental. Observe o mercado e se preciso, contrate uma pessoa para ajudar você a aplicar suas finanças corretamente.